• Cá Souza

O QUE FAZER EM PIRENÓPOLIS

Atualizado: 17 de abr. de 2021

Contei meu roteiro detalhado de um fim de semana em Pirenópolis - Goiás, cidadezinha que me encantou. Se ainda não conferiu, confira aqui.


Nesse post reuni outras opções de lazer e passeios em Pirenópolis caso você planeje ficar mais dias na cidade.


roteiro de viagem pirenópolis
Cachoeira do Lázaro

O que fazer em Pirenópolis


Considere alugar um carro para ficar mais independente na sua viagem. Clique no banner abaixo e simule uma cotação pela Rentcars.


Cachoeiras


Bonsucesso


As cachoeiras do Bonsucesso ficam a 5 km de Pirenópolis. São 6 cachoeiras para você aproveitar, sendo as mais visitadas Landi, Bonsucesso e Lagoa Azul. A cachoeira de Bonsucesso é famosa pela prática de rapel.


Confira as informações oficiais no site clicando aqui


Cachoeira do Abade


A 17km do centro turístico, a Cachoeira do Abade é uma das preferidas dos turistas em Pirenópolis. Fica às margens de onde nasce o rio das Almas e sua queda principal tem 22 metros de altura, cercada por águas em tons de verde.


Confira todas as informações de horário, preços, localização no site oficial clicando aqui.


Cachoeira do Rosário


A Cachoeira do Rosário oferece uma infraestrutura bem completa para passar o dia, com um espaço gostoso de redes, um restaurante de comida regional e várias mesas bem colocadas na sombra das árvores. É famosa também por ser a maior queda livre de Pirenópolis (42 metros).


Confira as informações oficiais da cachoeira do Rosário no site clicando aqui


Passeios em Pirenópolis


Fazenda Babilônia


É um antigo engenho de cana-de-açúcar do fim do século XVIII. A Fazenda Babilônia é um casarão rodeado por muros de pedra e tombada como Patrimônio Histórico.


Se optar pelo passeio, você poderá degustar do Café Sertanejo, recheado de receitas tradicionais da região. São mais de 40 itens feitos com produtos da própria fazenda.


Parque estadual Serra dos Pirineus


O Parque dos Pirineus conta com uma área de quase 3000 hectares de vegetação do cerrado e formações rochosas em arenitos e quartzitos. Abriga nascentes, cachoeiras, mirantes, trilhas e é ótimo para quem ama um contato mais próximo com a natureza.


O pico dos Pirineus é um dos lugares mais visitados de Pirenópolis, com 1.385 metros de altitude. A entrada é grátis.


paisagem parque dos Pirineus em Pirenopolis
Parque Pirineus - foto de Meiaponte via Wikimedia Commons

Festas tradicionais em Pirenópolis


Cavalhada


Pirenópolis também abriga um dos maiores eventos culturais do Brasil, a Cavalhada. Uma festividade que representa a luta dramática entre os Mouros e os Cristãos pelo controle da Península Ibérica na Idade Média,


Ela acontece durante a Festa do Divino, marco da vinda do Espírito Santo sobre os apóstolos e Maria, segundo a tradição Cristã.


A festa reúne vários mascarados de roupas coloridas que ocupam as ruas e vielas da cidade. O mascarado típico de Pirenópolis usa a máscara de boi da foto abaixo.


viagem e turismo roteiro pirenópolis
Símbolo da Cavalhada

A história conta que os escravos encontraram na fantasia de mascarados uma maneira de participar das festas. A festa do Divino é reconhecida como Patrimônio Cultural Brasileiro e ocorre durante a época de Pentecostes, 50 dias após a Páscoa.


Piribier


Para os amantes de Cerveja, Pirenópolis faz o festival Piribier, com shows, DJ e mais de 200 rótulos de cervejas, incluindo sem glúten e sem álcool, além de drinks e destilados!


Confira as informações de datas e preços no Instagram oficial clicando aqui.


Museus em Pirenópolis


Em Pirenópolis você também vai encontrar diversos museus. A cidade é um prato cheio de riqueza cultural para quem gosta de ir a fundo na cultura local!


Confira alguns museus em Pirenópolis bem avaliados no Tripadvisor para incluir no seu roteiro:

  • Museu Rodas do Tempo: exposição de motocicletas, bicicletas motorizadas, scooters e veículos antigos.

  • Museu das Cavalhadas: museu dedicado a guardar o acervo de objetos, imagens e documentos das tradicionais Cavalhadas de Pirenópolis, festa folclórica que encena as batalhas medievais dos Mouros contra os Cristãos na Península Ibérica durante a Idade Média.

  • Museu do Divino: conta a história da festa do Divino Espírito Santo, comemorada desde 1819.

 

Gostou do post? Deixe seu like e comente se tiver alguma dúvida. No meu Instagram você vai encontrar nos destaques os stories da minha viagem à Pirenópolis, confira clicando aqui!


#contadoradeviagens #viajepeloBrasil #viagenscentrooeste #pirenópolis #dicasdeviagembrasil #pirenópolisviagemeturismo #roteirospersonalizados #quantocustaviajarparapirenópolis #blogviagempirenopolis #dicasviagempirenopolis #preçoviagempirenopolis #roteirodeviagempirenopolis #cavalhada #festastradicionaispirenópolis #museusempirenópolis #viagemeturismopirenópolis


Leia também:

 

Vai viajar? Reserve sua viagem aqui! Usando os links disponíveis no blog você contribui para que o Contadora de Viagens continue produzindo artigos de qualidade e não paga nada a mais por isso! Planeje agora sua próxima viagem clicando nos links:

32 visualizações1 comentário

Posts recentes

Ver tudo